A verdadeira razão pela qual Sara Gilbert está deixando o The Talk

Sara Gilbert Getty Images De Mariel Loveland /10 de abril de 2019 18:27/Atualizado: 11 de abril de 2019 14h47 EDT

Se há algo em que os fãs de TV durante o dia sempre podem contar, é A conversa. Quer você trabalhe em casa, cuide de uma casa ou simplesmente passe o dia jogando hookie, a série é um item básico diário por mais de dois milhões Americanos todos os dias. Em abril de 2019, a lendária atriz de TV Sara Gilbert chocou os fãs da série de longa data quando anunciou que iria embora depois de nove temporadas e quase uma década de trabalho. Nela anúncio choroso , a estrela admitiu que estava lutando há algum tempo com sua decisão.

Para muitos, a partida de Gilbert parece uma mudança natural. A estrela encontrou um sucesso inesperado com ela Roseanne subproduto The Conners, onde ela estrela e produz executivo. Ao mesmo tempo, A conversa habitualmente luta para se levantar contra seu principal concorrente, A vista, de acordo com Entretenimento semanal , e shakes de elenco deixaram o sucesso do programa no ar.

É verdade que todas as coisas boas não podem durar, mas, para Gilbert, sua decisão de encerrar o dia parece demorar muito. Vamos dar uma olhada nas reais razões pelas quais ela está saindo.



Ela é uma introvertida autoproclamada

Sara Gilbert Getty Images

Sara Gilbert inadvertidamente, se viu no meio de dois dos maiores escândalos de TV de 2018: a queda da graça de Roseanne Barr (que incluiu seu tweet racista, vários comentários sobre Sobreviventes de Parkland , #pizzagate e fraude eleitoral ) e as múltiplas alegações de agressão sexual apresentadas ao chefe da rede da CBS Les Moonves. O primeiro levou a Roseanne's cancelamento . Este último levou Julie Chen, Esposa de Moonves , para deixar seu papel como co-anfitrião em A conversa. De acordo com O jornal New York Times , Chen apoiou o marido, o que não poderia ter sido ótimo para a ótica do talk show no clima Me Too de hoje.

Tudo isso era inegavelmente uma enorme pressão para Gilbert, um introvertido autoproclamado. De acordo com AGORA perfil, a atenção deixou Gilbert 'inquieto' e a forçou a assumir papéis de maior responsabilidade nos dois televisão empreendimentos em um momento em que ela já estava lutando para fazer as pazes com os holofotes. Laurie Metcalf, que interpreta a irmã de Roseanne, Jackie, falou sobre o comportamento geral de Gilbert no set. 'Ela é super inteligente com um senso de humor perverso. Mas muito tímido e de fala mansa ”, ela disse ao AGORA .

Com isso em mente, não é de surpreender que Gilbert, cuja personalidade aparentemente trabalhe contra tudo o que um apresentador de talk show normalmente deva ser, queira recuar.

Ela teve que encher os sapatos de Roseanne

The cast of Getty Images

O papel de Gilbert em A conversa É a razão Roseanne teve uma reinicialização em primeiro lugar. Durante uma apresentação de comédia no programa, Gilbert reprisou seu papel como Darlene ao lado do ator John Goodman como Dan. De acordo com O jornal New York Times , isso levou a uma 'discussão séria' sobre trazer de volta a comédia, mas ninguém poderia prever o sucesso surpreendente do reavivamento. A série rapidamente se tornou o programa de TV mais assistido nos Estados Unidos (mesmo A teoria do Big Bang ) e teve em média 20 milhões de espectadores, de acordo com AdWeek .


mirinda brino

Infelizmente, a alegria durou pouco. Roseanne foi cancelado em maio de 2018, depois que Roseanne Barr lançou um insulto racial à ex-assessora presidencial Valerie Jarrett (Barr mais tarde reivindicado que ela 'pensava que o b *** h era branco'.) Produtores e os demais membros do elenco tentaram salvar o programa. 'Parecia que as pessoas não haviam terminado de assistir ao show e não queríamos tirá-lo delas', disse Gilbert ao AGORA . “Nós simplesmente não queremos terminar com essa nota. Queríamos tentar preservar o legado. A solução: Mate Barr em uma overdose de opióides e reinicie a série como Os Conners com Gilbert no comando. De repente, Darlene se tornou a matriarca do programa, e Gilbert ficou com mais responsabilidade.

Ela é hiper-focada na produção de The Conners

Sara Gilbert and John Goodman Getty Images

Os Conners estreou com classificações mais baixas do que Roseanne. De acordo com Tempo , a audiência e as classificações caíram cerca de 35% entre as estreias. Isso equivale a uma queda de 7,7 milhões de espectadores e 2,8 pontos na classificação entre adultos de 18 a 49 anos, mas o que você realmente pode esperar? Antes de seu final dramático, Roseanne conseguiu vencer A teoria do Big Bang - uma comédia cujo reinado há muito tempo é considerado intocável. Mas eis o seguinte: você não precisa ter Grande explosão níveis de sucesso sejam amplamente populares. Chame isso de curiosidade ou tendência dos EUA de embotar, mas Os Conners estréia ainda esmagada Estes somos nós - o gigante da cultura pop que reviveu a carreira de Mandy Moore e continua a provocar uma média de 16,6 milhões os espectadores de um episódio alcançam o Kleenex.

Como ela já havia feito em A conversa e Roseanne, Gilbert fez dupla tarefa no set Os Conners . A atriz atua como produtora executiva e, de acordo com um perfil em O jornal New York Times , ela aborda o trabalho com hiper-foco, trabalhando nos bastidores após as filmagens para participar de conversas com os roteiristas. De acordo com AGORA , 'embora os atores nem sempre sejam bem-vindos nessas conversas escriturais,' Gilbert é 'uma exceção'.

Até a presente data, Os Conners é consistentemente a comédia mais assistida da ABC. Por comparação, A conversa atraído cerca de 2,55 milhões de espectadores por episódio em 2018.

Ela está explorando o mundo dos atores principais

Sara Gilbert Getty Images

Não é segredo que Sara Gilbert tem estado ocupada expandindo seu mundo fora do Roseanne universo. Anteriormente, parecia que o tempo da atriz era tão apertado que ela teve que escolher cuidadosamente seus projetos. Em um anúncio de despedida emocional (via Mais perto semanalmente ), Gilbert admitiu que havia encontrado um bando de novas oportunidades de carreira que não queria deixar passar. Isso a levou a fazer a difícil escolha de adiar seu tempo com seu talk show de longa duração .

'Enquanto continuo, estou começando a desenvolver mais coisas para produzir, e estou tendo oportunidades para atuar e sinto que não sei como vou fazer tudo'. ela disse. 'Eu estava olhando os próximos seis meses e pensando:' Não há tempo ''.

Fora de fazer serviço duplo com The Conners, Gilbert tem explorado o mundo do protagonista. Em 2018, ela apareceu em seis episódios da série CBS Viver Biblicamente (qual O repórter de Hollywood saudado como não 'particularmente bom') e um episódio da comédia da CBS Felizes juntos. Ela também estrelou a série da web Weird City em 2019.

Ela queria um melhor equilíbrio entre vida profissional e pessoal

Sara Gilbert Getty Images

Sara Gilbert ganhou dois prêmios Emmy por seu trabalho em A conversa , e para a maioria dessas nove temporadas, a estrela assumiu dupla função, atuando como produtora executiva e executiva por mais de 1.100 episódios (o programa acumulou quase 1.500 episódios , mas Gilbert desistiu de sua produção em 2016). Obviamente, A conversa Era uma parte importante da vida de Gilbert, mas ela precisava fazer algumas mudanças quando começou a se sentir muito magra.

'Se eu estou sendo sincera, minha vida estava um pouco desequilibrada', explicou ela no ar em seu anúncio choroso (via Mais perto semanalmente ) 'Não fui capaz de passar tanto tempo com meus três filhos quanto gostaria ou [tenho] ​​tempo para mim.' Gilbert disse que estava perdendo algumas das alegrias de criar filhos. Ela divide o filho Rhodes (nascido em 2015) com a esposa Linda Perry e também é mãe da filha Sawyer (nascida em 2007) e Levi (nascida em 2004) de seu casamento anterior. Sua decisão foi 'difícil', disse Gilbert. 'Amo os anfitriões, amo a equipe, amo nossa equipe [e] sou muito grata à platéia por me deixar em sua casa todos os dias. Tem sido uma honra.

A partida de Julie Chen foi 'difícil' em Gilbert

Sara Gilbert Getty Images

Em meio ao escândalo de Les Moonves, Julie Chen's partida de A conversa foi inegavelmente difícil para o elenco. A personalidade da TV gasta quase uma década no show ao lado de Sara Gilbert. A saída de Chen 'foi difícil', disse ela O jornal New York Times . “Tudo isso, as circunstâncias ao redor, eram algo que nenhum de nós queria que acontecesse ou que descobrisse. Sei que ela achou que era hora de ficar com a família.

Gilbert não estava sozinho em se sentir um pouco perdido depois que Chen deixou a série. Eve, co-anfitriã, que se juntou A conversa em 2017, contou Variedade a transição foi 'extremamente difícil'. Embora isso tenha aproximado os membros do elenco, eles ainda estavam 'descobrindo' sem Chen. Para Gilbert, o abalo devastador pode ter sinalizado que era hora de partir.

Ela fez o The Talk porque pensou que não podia

The cast of Getty Images

A ideia de Gilbert para A conversa foi desencadeada por grupos de mães às quais ela se juntou após dar à luz sua filha Sawyer. Ela ansiava pelo senso de comunidade que eles proporcionavam e queria traduzir essas mesmas vibrações para a televisão. No entanto, sua personalidade introvertida não era propícia a ser apresentadora de um programa de entrevistas em período integral, mas foi exatamente isso que fez a estrela avançar para tornar o programa uma realidade. 'Fiz isso porque estava com medo de fazer isso', disse ela. O jornal New York Times . 'Senti que não estava preparado para isso e precisava expandir meu crescimento.'


celebridades que engordaram

Até a irmã na tela de Gilbert, a atriz Lecy Goranson, disse ao AGORA que ficou surpresa com a decisão de Gilbert de assumir um papel que 'envolvia mais falar em público'. Na opinião de Goranson, 'acho que realmente diz algo sobre ela querer ser uma pessoa equilibrada - pegar um músculo deficiente e torná-lo realmente forte'.

De fato, a introspecção de Gilbert adicionou um senso único de humanidade em uma época em que muitos programas de entrevistas se concentram no sensacionalismo viral. Nove temporadas, é claro que Gilbert transformou uma fraqueza em uma força, realizando o que ela pensava ser impossível. Com esse objetivo alcançado, parece um tempo natural para a estrela seguir em frente.